sábado, 3 de janeiro de 2009

Acabaram as provas.


Arte de: Henri Toulouse-Lautrec

Lorenzo Ganzo Galarça


Confiro a umidade da superfície

Para não manchar

Meus cuidados.


Não deixarei as cartas

Jogadas no balcão da cozinha.

Os pingos de café


Ainda não secaram.

Minha ansiedade teve pressa

Ao arrumar a mesa.


Tu deixaste o portão aberto

E os cachorros fugiram.

Seria tua saída de emergência.


Teu anel engana os olhos.

A espessura da aliança se mede

Na capacidade de Amar.


Meu anel diluiu-se nos dedos.

O corpo virou testemunha do

Crime de te Amar por inteiro.


Não precisas mais de

Uma constante prova de afeto, não.

O ano letivo terminou.


Reprovaste mais uma vez

Em pintar dentro dos contornos.

3 comentários:

Cínthya Verri disse...

seu lindooooooooooooo!!!

disse...

Maravilhoso o que és!

e.guedes disse...

ooooooooi lorenzo

me encanta!

beijo
eli